Sou MEI e quero contratar um funcionário como proceder?

Sou MEI e quero contratar um funcionário como proceder?

Um trabalhador autônomo pode contratar um estrangeiro

R.- Não, pois são pagos somente nos seguintes casos: quando o trabalhador termina a relação de trabalho por causas imputáveis ao empregador; quando o trabalhador exige a reintegração e obtém um resultado favorável e o empregador não cumpre a resolução emitida pela autoridade; quando o trabalhador exige a reintegração, mas sua posição é uma posição de confiança.

R.- A Indenização Constitucional implica apenas no pagamento de três meses de salário integrado, salários perdidos e outros benefícios que teriam sido acumulados ou que são expressamente concedidos pela Lei ou pelos contratos de trabalho.

Como contratar um trabalhador autônomo

Por sua vez, conforme detalhado na Lei de Reformas Urgentes do Trabalho Autônomo, os familiares contratados e os familiares diretos que não vivem com o trabalhador autônomo poderão ser contratados e terão direito a um desconto de 100% na contribuição do trabalhador autônomo para contingências comuns “resultantes da aplicação à base média que o trabalhador tinha nos doze meses anteriores à data em que se beneficiou desta medida”.

Entretanto, o trabalhador autônomo não pode ter rescindido contratos de trabalho, seja por motivos objetivos ou devido a demissão disciplinar declarada judicialmente injusta nos 12 meses anteriores à celebração do contrato que lhe dá direito ao bônus previsto. Além disso, “o empregador deve manter o nível de emprego nos seis meses seguintes à conclusão dos contratos que dão direito ao bônus acima mencionado”.

A figura do parente colaborador Nos demais casos, até o segundo grau de consangüinidade ou afinidade dos parentes que vivem com o trabalhador autônomo, há a possibilidade de registro na Previdência Social como parente colaborador do trabalhador autônomo.

Quanto custa contratar um trabalhador

Por outro lado, o Artigo 1.1.e) do Texto Revisado da Lei do Estatuto dos Trabalhadores aprovado pelo Real Decreto Legislativo 2/2015 de 23 de outubro estabelece a exclusão do âmbito regulado pela referida lei do trabalho realizado como resultado de “amizade, benevolência ou boa vizinhança”.

  Como registrar Copyright grátis?

Um trabalhador autônomo é considerado proprietário quando realiza habitualmente uma atividade profissional ou econômica para a qual recebe um lucro ou benefício, e o faz diretamente, pessoalmente, por sua própria conta e sem fazer parte do escopo da administração e organização de outra pessoa.

Com relação ao trabalhador autônomo colaborador, o Estatuto do Trabalhador inclui pessoas que realizam trabalho regularmente e fazem parte do círculo familiar do trabalhador autônomo titular, sem serem empregados, ou seja, membros da família de primeiro e até segundo grau, com as exceções indicadas na regulamentação atual.

Ao registrar o trabalho dos membros da família, através do sistema de colaboração dos trabalhadores autônomos, há também um conjunto de bonificações fornecidas pela Previdência Social. Especificamente, nos primeiros 18 meses é de 50% e nos seis meses seguintes é de 25%. O objetivo desta medida é incentivar aqueles que atendem aos requisitos para se registrarem no sistema de autônomos estabelecido pelo Artigo 35 do Estatuto do Trabalhador Autônomo.

Como contratar um funcionário

Naquela data, o Sistema Especial para Empregadores Domésticos foi integrado ao Regime Geral de Previdência Social e começou a funcionar uma legislação que procura aproximar os direitos dos empregados domésticos dos direitos de outros trabalhadores.  As contribuições pagas por seus empregadores cobrem as contingências de doença, acidente, gravidez, maternidade e paternidade, aposentadoria….

Somente serviços esporádicos com duração inferior a quatro semanas de cada vez (por exemplo, se você pagar a alguém de sua confiança para ajudá-lo por alguns dias a limpar completamente uma casa de férias) estão isentos da formalização do contrato por escrito.

O Ministério de Emprego e Economia Social oferece modelos de contratos que contêm todos os dados necessários, e podem ser para contratos de tempo integral ou parcial, e para contratos de prazo fixo ou sem prazo (podem ter muitas páginas e parecem muito complicados, pois prevêem muitas situações, mas geralmente você só terá que preencher algumas dessas páginas).

  Como contabilizar as vendas de mercadorias?